Cpers Santo Ângelo protesta na praça Leônidas Ribas durante o Desfile Farroupilha

Protesto do Cpers em Santo Ângelo

Caderno de Notícias | Foto: Outra Estação.com | © Todos os direitos reservados

O 9º Núcleo do Cpers realizou na manhã de ontem, 20, durante o Desfile Farroupilha em Santo Ângelo, uma manifestação de repúdio às ações do Governo do Estado no que se refere à educação pública. Aproveitando a grande movimentação no local, eles chamaram a atenção para suas reivindicações.

Integrando o grupo de servidores que há mais de vinte meses recebem seus salários com parcelamento no Rio Grande do Sul, os professores decidiram oficializar a greve da categoria em assembleia estadual realizada no dia 5 de setembro, em Porto Alegre.

“Esta ação de hoje faz parte de uma deliberação estadual que denuncia o parcelamento dos salários dos professores”, explicou Marlene Catarina Stochero, uma das coordenadoras da mobilização do núcleo do Cpers Santo Ângelo.

A situação constrangedora e inédita na carreira dos educadores motivou a paralisação que não tem data para terminar.

“Estou no magistério desde 1982 e é a primeira vez que vivo uma situação assim. Continuamos em greve pela defesa da escola pública”, argumenta a professora Marlene, secretária geral do Cpers Santo Ângelo.

O Governo do RS, por sua vez, não parece sensibilizado com a atitude dos professores e sustenta que os educadores deveriam encerrar a greve, já que, mesmo parcelados, os salários são pagos. No dia 19 de setembro, por exemplo, publicou uma nota oficial que irritou os professores (veja abaixo):

Na manifestação desta quarta-feira na Praça Lêonidas Ribas, em Santo Ângelo, os professores levaram bandeiras e cartazes que criticavam e debochavam das ações do governador do Estado, José Ivo Sartori: “Fora, Sartori!”, “O que você faria com R$ 350?” (referência a uma das parcelas do salário recebido).

Nesta quinta-feira, 21, as Caravanas das Plenárias seguem por algumas cidades do Rio Grande do Sul. Em Santa Rosa, reúnem-se professores de Santo Ângelo, Três de Maio, Três Passos, Frederico Westphalen, Ijuí, Cruz Alta, Santa Rosa e Palmeira das Missões.

Ouça o depoimento da professora Marlene Stochero a Outra Estação.com

[+] Veja mais Caderno de Notícias aqui

Publicidade